E o medo do mundo?

Não consigo sair de casa.

Meu pavor começa com atravessar a rua. Quando fico assim dias (semanas, já) sem sair de casa, me dá pavor de atravessar a rua. Não estou em depressão, nem de mal com o mundo. Mas não consigo sair de casa nem para fazer as coisas mais necessárias. Não sei por que, nem o que é. Atribuí ao medo do mundo, mas não tenho medo dele. Seria inútil fugir, já que ele nos encontra mesmo em casa, recolhidos.

Sei lá o que é isso... Sei que faço de tudo para deixar para outro dia. Devo estar com uma cor acinzentada já. Mas hoje vou ter que enfrentar...

Comentários

•SunSamadhi• disse…
Eu estava EXATAMENTE assim até umas 2 semanas atrás, por isso larguei a internet um pouco e estou me obrigando a fazer coisas que eu não estava querendo. Quando começo a ficar em pânico, com medo de sair de casa, aí mesmo que eu saio. Há 3 dias aprendi a andar de bicicleta na rua, nunca tinha feito isso, nem quando era pequena,(só andava no quintal de casa) no primeiro dia consegui uns 2 quarteirôes(cheia de medo), ontem fui na ciclovia perto da praia e passei a tarde toda pedalando. Eu sei que parece idiota, mas com o pânico que eu estava de sair de casa, pra mim já foi um grande passo. Tem que ir contra a maré. Espero que consiga logo. bjs amiga!
desculpe o auê disse…
Sabe, Sun, você esta´certa. Hoje saí, e me senti melhor. Mas foi light porque não atravessei a rua, não peguei ônibus e nem fui onde deveria ir, que não sabia certo o endereço.

Essas arriscadas, esses enfrentamentos, antes me entusiasmavam. Hoje, não mais.

E que legal essa da bicicleta! Eu nao teria coragem meeeesmo! Vou tmar isso como exemplo. Beijinho e que bom te ver de volta.

Postagens mais visitadas deste blog

Como cada signo troca uma lâmpada

Dicas para disfarçar e controlar as lágrimas

Putz