Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2009

Recomeço (isso não é capítulo de romance, não se iluda acreditando que agora sou brega

Tantos dias difíceis, mesmo que alternados, dão a impressão de que será sempre assim.

Quanto mais eu falo e tento justificar, pior fica. Chega. Mas antes de esperar para ver o que mudou depois desses últimos embates faço uma última tentativa: Me sinto culpada, não queria te dar essa sensação de instabilidade, eu sei o quanto é ruim, o quando judia. E, se eu não posso dar o melhor de mim, prefiro então ficar longe, até que eu me refaça. Não gostaria que mudasse o que sentimos, ou o que esperamos um do outro por causa do meu estado de espírito. Tudo o que eu mais admiro numa pessoa está adormecido em mim agora. Momentaneamente, acredito, mas até quando?

(e tantas outras coisas que eu poderia te falar)

A distância é um remédio amargo, cujo amargor prefiro ignorar até saber a intensidade.

(faça agora aquilo que tu disse que tem vontade de fazer quando estamos brigando)

Eu difícil admitir, mas eu preciso de ti, e nada mudou na maneira como eu te vejo. Mudou, sim, foi o conceito que eu ten…
Ausente. Ocupada.

Status da mulher perfeita. Fica quietinha, bem querida, bem mimosa e não incomoda.

Antes que eu postasse tal conteúdo, um marido foi atingido por um salto 15 voador posteriormente identificado, duas crianças dormiram à força mas nenhum animal foi molestado, a não ser o marido anterirmente mencionado.

Desabafo de um bom marido

Texto atribuido a Luiz Ferando Veríssimo
Minha esposa e eu sempre andamos de mãos dadas. Se eu soltar, ela vai às compras.

Ela tem um liquidificador elétrico, uma torradeira elétrica, e uma máquina de fazer pão elétrica.
Então ela disse: 'Nós temos muitos aparelhos, mas não temos lugar pra sentar'.
Daí, comprei pra ela uma cadeira elétrica.

Eu me casei com a 'Senhora Certa'. Só não sabia queo primeiro nome dela era 'Sempre'.

Já faz 18 meses que não falo com minha esposa. É que não gosto de interrompê-la.
Mas tenho que admitir, a nossa última briga foi culpa minha.
Ela perguntou: 'O que tem na TV?' E eu disse 'Poeira'.

No começo Deus criou o mundo e descansou.
Então, Ele criou o homem e descansou.
Depois, criou a mulher. Desde então, nem Deus, nem o homem, nem o Mundo tiveram mais descanso.

Quando o nosso cortador de grama quebrou, minha mulher ficava sempre me dando a entender que eu deveria consertá-lo. Mas eu sempre acabava tendo outra coisa para cuidar …
dfg
Minha menina tem feito demonstrações de carinho. Ela fica me olhando por longos minutos... Agora tem feito isso com o pai dela também. Adoro ver os dois assim... E a tipa sabe o que quer! Nada de carrinho ou berço: ela agora brinca.

Meu menino está a cada dia mais adultinho. Na fase que ele tá, o desenvolvimento acontece rapidamente, é assustador constatar que O tempo passa rápido e que há pouco ele era um bebê, e hoje fala como gente grande, tem senso de humor e tudo! O riso que ele provoca é intensional, não é por acaso, como acontecia antes.
Esse Massive attack que eu tô ouvindo agora é bom mesmo! Hoje tirei a manhã para descansar. Na verdade, deixei o trabalho para depois.

Traduzindo para o meu hebraico: dose extra de stress mais tarde, já que terei pouco tempo. Tenho trabalhado frenéticamente (usando polainas, meias de lurex, cabelo bandido e roupas de nylon), sem parar nem para atualizar meus blogs. Durmo e acordo com as idéias prontas na cabeça, mas essa manhã tive uma diferente. Devo fazer uma pausa, e preservar a integridade física dos que me cercam. Eu já andava mordendo!
Trabalhando muito. Eu diria feito louca, sei lá como uma louca trabalha...

Passei aqui para rir um pouco. Só não vai dar tempo de retribuir fazendo rir.
Sou ótima ouvinte, e sei, modéstia à parte, me colocar no lugar de qualquer um. Entendo as razões de todo o mundo para o que quer que seja. Mas, eu tentei, durante muito tempo fazer com que as pessoas que conviviam comigo me entendessem, me conhecessem. Tentativa vã. Eu só quria que tivessem feito comigo o que eu faço com os outros. As pessoas percebiam somente o que era importante para elas ou os "defeitos" que as incomodavam muito. Essa idéia de defeito para mim é meio controversa, o que é defeito para uns, para outros é somente um aspecto, um traço importante que fala mais alto. Os exemplos, se citados aqui, dariam um quilômetro.

Posso contar nos dedos as pessoas que me conheceram realmente até hoje e eu garanto que sobram dedos! Prova disso, é que fui casada durante 4 anos e a família do meu ex-marido descobriu no final do casamento a minha escolaridade. Não sabiam nada a meu respeito mesmo convivendo, nos vendo com alguma frequência. Sabiam um pouco do meu gosto para rou…

Tatuagens tipográficas

Imagem
Gostei muito. Quer ver mais? Clique aqui.
O cabo da internet do quarto não estava funcionado. Agora está. Este blog ficará mais interessante, agora vou ter tempo de pesquisar mais, posso colocar alguns links. Vou fazer isso amanhã, se eu não esquecer, como aconteceu hoje: ia fazer exame de sangue, estava pronta para sair de casa, mas resolvi tomar um iogurte antes. Pronto. Acabei com o jejum.

Meu fucking husband quer estudar à noite. Ou pelo menos ficar em frente ao computador ( o que ele faz lá, só Deus sabe), minhas crianças dormem. Já decorei minhas revistas, me acompanham por muitos anos. À noite, já estou esgotada: trabalho, crianças, casa, tentativa de estudar, de fazer exercício, de fazer dieta, de ser mais calma, essas coisas. Sem um ser vivo falante para trocar uma ideia (sem acento, tõ por dentro, pelo menos dessa regra), sem as crianças para me absorver totalmente e sem vontade de continuar trabalhando. TV? Não, obrigada, tô bem assim, não é sempre que tô com vontade. O que me resta? Internet! E agora eu tenho no q…
Eu vim da cidade onde a primeira dama tinha 16 anos. É verdade! Eu conheço uma colega de aula dela! Tá bom, hoje ela deve ter 18, mas teve 16 quando era a noiva do prefeito.

Hoje, nem sei como vai o "romance".
Sou da cidade de onde saiu o deputado que está se lixando para a opnião pública.

E a mulher dele hoje é a prefeita da cidade. Dizem as más línguas que ele a tirou da "vida fácil".

Quando tivemos um surto (surto, sim, epidemia, porque não?) de febre amarela, ela pediu à secretária da saúde do município que acalmasse a população, palma, palma não priemos cânico, todos serão vacinados, tudo está sob controle. Naquela semana haviam por volta de dez pessoas internadas no hospital com febre amarela, outros, até já tinham morrido. Até aí tudo bem, não fosse o fato de que na nota dizia que a vacina tinha sido solicitada ao governo estadual depois da confirmação de morte por febre amarela de dois (ou três) bugios.

Com todo o respeito aos bugios, inclusive pelos que morreram (foram muitos), mas, e as pessoas doentes? E o fantasma que rondava quem não podia ser vacinado?

Realmente. Eles se importam com a opnião dos primatas. Definindo somente o gênero, não a espécie.
Prometo, juro de pé junto, garanto, dou minha palavra que tentarei ser mais leve. Vou traduzir para o meu hebraico somente o que me fizer rir depois, quando eu estiver lendo posts mais antigos. Tô me prevenindo da absoluta falta do quê fazer, ou do tédio, ou da melancolia que insiste em me acompanhar. Mas como sou cética e acética ao extremo, tenho certeza que faço rir. É, e eu sei bem que pimenta nos olhos dos outros não arde e por isso, vou tentar falar de coisas mais amenas. Só para que eu possa rir também. Mas não se iluda, não sou engraçada, mas, não me preocupo em sê-lo porque o humor está nas coisas sérias, nas ironias com que o mundo nos presenteia.
Quando você acabar de ler, vai se deparar com uma imagem um pouco intrigante. Vale a pena dar uma boa olhada. Mas quem colocou-a alí, e ainda comemorou por mim não foi eu, foi meu fucking marido. Bom, valeu.
अंडो देवागार पोर्कुए já तिवे प्रेस्सा ऐ लेवो इससे सोर्रिसो पोर्कुए já चोरी देमैस।

Até ओंदे सी, फोई अल्मिर सटर कुए दिस्से इस्सो।। उसंदो उम clichê: faço मी हस एस्सास पलाव्रस.