Tpm

Homens me digam que tenho razão e mulheres confessem: somos difíceis. O segredo do post abaixo não é o único que carrego. Confiram detalhes do fogo cruzado.

Azul tinnha sorvete e ofereceu para Vermelha porque não tinha em quantidade suficiente para todas. Vermelha, muito querida, ofereceu parte de sua porção para Rosa que recusou, porque entendia que só Azul poderia oferecer sorvete à ela e por isso, não fala mais com Azul.

Azul e Rosa não se falam por esse e imagino que por outros motivos também. Vermelha, me confidencio uqe está com nojo e não perguntei de quem. Azul, me contou essa estória, e que não entendia pq Rosa não falava com ela se etc, etc, etc.

Só aqui, guardo duas confidências. Azul, embora ofendida comigo por causa de um outro diálogo, fala normalmente. A mais impulsiva, irracional e... dda, parece ser a mais sensata.

Como é difícil conviver com mulheres.

Uma delas estava abatida feito um animal pesteado, e agora diz que não sabe porque todos perguntam se ela está bem. Eu, num acesso súbito de polidez fui uma das que demonstrou preocupação com o estado dela. Ela encontra-se agora na mais perfeita normalidade, falando com todos como se nada tivesse acontecido. Eu desisti, não quero mais conversa com ninguém. Chega de brincadeiras bobas, de duplo sentido que uma sempre entende mal. Chega também de brincadeiras inocentes, de um sentido só, que uma sempre entende mal também. Sempre uma pega um diálogo pelo meio e acha que é sobre si. Ô cabecinha pequena: acaso as pessoas não tem outro assunto a não ser sobre uma ou outra? Claro que tem! Então?

Ontem e hoje não dei uma palavra com nenhuma das 14 colegas a não ser o meu simpático "Oi" solenemente ignorado por boa parte delas.

Já trabalhei em ambientes onde predominavam homens, e o clima é outro. E deveríamos aprender com eles ao menos isso: que trabalho é uma coisa, amizade é outra e que ótimo se temos tudo junto, e que os outros não a menor culpa pelos nossos problemas pessoais. Casa é casa, empresa é empresa.Sei que é estranho ouvir isso de uma pessoa que se mostra assim transparente feito eu, que supostamente se mostra assim para todos. Mas não, aqui eu sou inteira, já meus colegas não sabem dos detalhes sórdidos e tem somente de mim um apanhado geral. E olhe lá. E não importa o que eu viva: ninguém de lá vai saber, e meu sorriso vai ser sempre o mesmo: de amígdalas à mostra. Definitivamente, o banheiro do local de trabalho não é o melhor lugar para chorar, e nem todos tem que ver nossa cara de dorrota ou seja lá o que for.

Nada me tira da cabeça que choradeiras e mimimi na empresa na grande maioria das vezes é só para chamar a atenção.

Vou ficar "na minha" enquanto puder... Ou pelo menos até que passe a tpm coletiva, coisa que naõ me abate, visto que a minha parece durar o mês todo. Não sou melhor que ninguém enquanto mulher, muito ao contário, mas tenho noção de profissionalismo. Se é que noç~´ao é com Ç.

Comentários

•SunSamadhi• disse…
Tenho pouquíssimas amigas mulheres, todas namoradas de amigos meus... acho que não tenho muita peciência pros mimimis, fofoquinhas, etc.

Acho que adotei essa de ficar na minha com todos os seres humanos. Um pçouco de intimidade que seja já gera esse tipo de conflitos. Triste! hahahhahahahah
Martini Bianco disse…
Mulher não é fácil não. É preciso ter muita paciencia com elas e por vezes entrar na fofoca também para se sentir integrado :)

Postagens mais visitadas deste blog

Como cada signo troca uma lâmpada

Dicas para disfarçar e controlar as lágrimas

Putz