Chatos

O chato pode ser educadamente definido como exigente. Antes disso ele foi inteligente. E não existe nenhuma ironia, penso isso mesmo assim exatamente como escrevi.

Chatos por aqui não faltam. Falo dos chatos em geral, dos que nem sabem o que querem, se querem mas exigem. Depois da inevitável justificativa para o azedume corriqueiro de my brain, o fato:
-Pois é, se tu soubesse como meu pé é chato... (depois de fazer cara de desdém para tudo o que viu na loja)
-Chata é essa tua cabeça, que não aceita nada de novo. Nem o velho. (pensamento omitido)
-Com tantas opções, você tem sim o direito de escolher. (isso sim, eu disse e é verdade)

Mas p@$rra, precisa tomar meu precioso tempo por meia hora se não quer absolutamente nada? Desculpa moça, mas sendo fevereiro, tem gente esperando para ser antendida (isso eu também não falei)!

Tem também os que se fazem de desentendidos no caixa e dizem que não foram informados das condições de pagamento, momentos antes de ter certeza de que o cartão não tem mais limite disponível.

Mas ao contrário do que parece, sou muito paciente com os clientes, acho sim que procurando bem a gente sempre encontra o que procura (quando procura). E cada um tem de mim meu melhor atendimento.

Comentários

Martini Bianco disse…
Chatos tb é coisa que abunda muito por aqui...

Só fiquei com uma dúvida e um desejo, Quando serei atendido por ti, para testar essa paciência? :)
desculpe o auê disse…
Nem provoque! Se vier com a conversa de que quando tu gosta não encontra o seu numero, ah meu bem, eu juro que encontro!

Já sabe: terá meu melhor atendimento. Não importa se quer sapatos, chinelos de inverno ou um cinto.

Postagens mais visitadas deste blog

Como cada signo troca uma lâmpada

Dicas para disfarçar e controlar as lágrimas

Putz